Organização catarinense acumula quase R$ 90 milhões em portfólio de startups 

OPINIÃO – Tem partido político virando seita
17/02/2024
Termina dia 29 prazo para empresas enviarem relatórios salariais
19/02/2024
OPINIÃO – Tem partido político virando seita
17/02/2024
Termina dia 29 prazo para empresas enviarem relatórios salariais
19/02/2024

A Leonora Ventures, corporate venture builder (CVB)  catarinense, uma organizações que atuam sistematicamente no desenvolvimento de outras empresas de base inovadora e tecnológica (startups) aportando seus próprios recursos, em pouco mais de dois anos continua como uma das maiores relevância de mercado. Em 2023, apresentou crescimento recorde com aumento de 15% do seu ativo e dobrou o valor do portfólio de startups (termo que representa uma “empresa” emergente e recém-criada ainda em fase de desenvolvimento), chegando aos R$ 85 milhões, com um total de 16 companhias. A meta é trazer dez novas empresas em 2024 e crescer 22% em valor de mercado.

O cerne da atuação da Leonora Ventures sempre se voltou à parceria estratégica, promovendo o crescimento de organizações que se destacam em tecnologias modernas nos setores de varejo, logística e educação. Esse objetivo foi plenamente alcançado neste ano, com sete novas startups apresentando valorização que variam entre R$5 milhões e R$10 milhões. Mesmo numa fase de tração, essas empresas reconheceram a importância de contar com o respaldo da corporação para implementar táticas de escala.

Destaque para uma companhia que partiu do zero em faturamento anual, atingindo a marca de R$ 3 milhões, com sua valoração sextuplicada. Adicionalmente, a rodada de investimento da Kate impulsionou o valor para R$ 15 milhões, consolidando ainda mais o sucesso do período.

Em termos institucionais, a CVB lançou duas frentes de serviços, focadas em inovação pública e privada. A atuação junto às prefeituras, acelerando a transformação municipal e conectando diversas partes interessadas, transformou os municípios em um ecosistema de inovação aberta, impulsionando economias locais. Além disso, a oferta de serviços de inovação aberta para empresas interessadas em explorar o mercado destaca o compromisso operacional e estratégico da Leonora Ventures nessa jornada.

Para a CEO da CVB, Ana Paula Debiazi, que reúne mais de 15 anos de experiência, o crescimento do valor da empresa está diretamente relacionado ao desenvolvimento das startups em seu portfólio ao longo deste ano. “Registramos casos em que o valor de mercado aumentou em até seis vezes. Isso reflete o êxito do nosso trabalho em impulsionar a conquista do setor de atuação”, compartilha.

Ainda um dos diferenciais da Leonora Ventures é o menor risco de investimentos em relação a fundos de investimento importante para empresas em estágio inicial ou de crescimento, com opções mais facilitadas. Ao atuar de forma centralizada com as startups, acompanha de perto o desenvolvimento e tem visão clara da situação de cada uma, o que estabelece mais segurança para os dois lados: investidores e investidas.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido