Defesa Civil de Santa Catarina confirma tornado no Oeste do estado

Frente fria segue atuando em Santa Catarina neste final de semana
03/05/2024
SC tem uma morte confirmada e três municípios em situação de emergência
03/05/2024
Frente fria segue atuando em Santa Catarina neste final de semana
03/05/2024
SC tem uma morte confirmada e três municípios em situação de emergência
03/05/2024

De acordo com Nota Meteorológica emitida pela Defesa Civil de Santa Catarina, um tornado foi registrado entre os municípios de Ponte Serrada e Passos Maia, no Oeste do estado, na tarde desta quinta-feira (2). Os meteorologistas Francine Sacco e Fernando Rafael analisaram as imagens produzidas pelo radar de Chapecó. O tornado foi registrado em uma área de terra próximo à SC-350. Não há registro de feridos.

“É possível observar a formação de um gancho na retaguarda da tempestade, característica associada a células de tempestade com potencial para formação de tornados”, explica Francine. Em Passos Maia, foram observados dezenas de eucaliptos tombados e torcidos e algumas árvores removidas pela raiz. (Veja vídeo abaixo).

“Nas imagens que apresentam o campo dos ventos estimados pelo radar, foi observado um padrão de dipolo por volta de 1km de altura. Isto indica que, nas regiões mais próximas da superfície, os ventos estavam com intensidade muito forte e apresentavam rotação. As imagens observadas apresentam assinaturas clássicas da ocorrência de um tornado”, assinala o meteorologista Fernando Rafael.

Ainda de acordo com a Nota Meteorológica, as tempestades desta quinta-feira começaram por volta das 15h40, quando as imagens do radar de Chapecó mostravam intensos núcleos de instabilidade avançando pelo Oeste de Santa Catarina.

A chuva e as tempestades foram provocadas pela atuação de uma frente fria na região Sul do Brasil, combinada ao fluxo de calor e umidade que vem do Norte do país. Estas tempestades também causaram danos associados a vendavais e chuvas intensas, com ocorrências de queda de árvores, assim como alagamentos e enxurradas, devido à intensidade da chuva em curto período de tempo.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido